Vale a pena contratar uma construtora?

Home  /  Blog  /  Vale a pena contratar uma construtora?

15 de maio de 2018, Publicado por , em Blog,

Quando vamos construir uma casa, sempre surgem dúvidas que precisamos sanar antes de colocar a “mão na massa”. Uma das dúvidas que certamente surgem no pensamento dos proprietários dos imóveis é se vale a pena construir com construtora?.

Neste post, vamos esclarecer melhor como isso funciona e quais são os cuidados que você deve ter. Continue lendo para estar bem informado e realizar a melhor escolha possível na construção de seu sonho:

 

Responsável por todo o projeto

Em primeiro lugar, uma construtora desenvolve todo o projeto da residência ou estabelecimento comercial a ser construído. Essas empresas possuem responsáveis técnicos, engenheiros e arquitetos que auxiliam na montagem completa de seu projeto.

Com os pedreiros isso não acontece. Eles dominam a parte operacional do trabalho, mas não poderão ajudá-lo nas especificações técnicas da construção. Em alguns casos, os pedreiros, se quer sabem desses pré-requisitos e podem gerar prejuízos para você mais tarde.

Ao contratar uma construtora você tem mais tranquilidade que a sua obra está dentro dos trilhos e seguindo as especificações recomendadas pelos órgãos de fiscalização.

 

Custo do serviço

Em teoria, construir com um pedreiro sai mais barato do que com uma construtora, já que você poderá escolher o material a ser usado e negociar diretamente com o profissional o custo do serviço.

Porém, quem tem experiência em construção sabe que nem sempre os acordos verbais são cumpridos e que não é raro enfrentar problemas com prazos de entrega ou mesmo com trabalhadores que não seguem o gosto do proprietário.

Tudo isso pode aumentar o valor final da obra, além de gerar muito desgaste interpessoal que não vale a pena. Ao trabalhar com uma construtora, ainda que o valor fique 20% mais alto que o custo total, você terá uma tranquilidade muito maior quanto ao cumprimento dos acordos firmados no momento da negociação. Afinal, é da obrigação dela, independentemente de qualquer coisa, entregar o que está no papel.

 

Qualidade final da obra

As construtoras geralmente trabalham com plantas já prontas que podem ser escolhidas pelo proprietário. Tanto no projeto quanto no contrato já ficam especificados:

– os materiais a serem usados;
– o tipo de construção;
– a quantidade de cômodos;
– as suas respectivas localizações; e
– os demais detalhes.

Ou seja, você receberá aquilo que escolheu — nem menos, nem mais.

Apesar de trazer a grande vantagem da certeza de ter aquilo que foi acordado previamente, isso também possui a desvantagem de você morar em uma casa que você terá que reformar depois se quiser deixá-la com a sua cara.

Em uma obra dirigida com um pedreiro, você pode retocar o projeto à medida que vai se desenvolvendo, preparando para que o produto final esteja totalmente de acordo com seu próprio gosto.

 

Acesso à consultoria de profissionais qualificados

Uma coisa é ter uma ideia e contar com um pedreiro para realizá-la. Outra, é poder consultar toda uma equipe de profissionais qualificados (como arquitetos e engenheiros) para saber qual é a melhor forma de executar seu projeto.

Trabalhando com uma construtora na realização da sua casa, você terá acesso a esses profissionais e poderá discutir com eles, de maneira clara e embasada, o porquê do uso de determinado material ou da posição de um determinado cômodo na planta.

Isso traz ainda mais confiança no processo e te deixa tranquilo para cuidar de outras questões pessoais sem ter que acompanhar a obra diariamente como acontece quando se opta por trabalhar com um pedreiro.

 

Uso correto do material

Ainda que você pague a mais ao contratar uma construtora, existem algumas questões importantes que você deve saber e que podem se tornar vantagens caso não tenha a quem confiar a obra.

Você tem a garantia de que a construção do seu imóvel não vai parar pelos seguintes fatores:

– a reposição de material, caso falte, é de total responsabilidade da construtora;
– o que estiver acordado no contrato deverá ser cumprido, não pode haver substituição de um material melhor por outro pior;
– se um profissional deixa a obra é de responsabilidade da construtora colocar outro na função e continuar tocando a obra normalmente.

Quando lidamos com profissionais autônomos, sobretudo sem um contrato regendo os acordos, existe uma boa chance de vermos nossas expectativas sendo frustradas.

Como a construção de um imóvel é um investimento de alto valor, é importante ter a consciência de que quanto mais seguro for o processo de negociação e construção da obra, melhor.

Realizar o sonho de ter um imóvel é um investimento que requer cautela, já que não sai barato e valerá por uma vida toda. Mesmo que você faça isso apenas como um investimento, é preciso valorizar a sua escolha para obter os melhores benefícios possíveis.

Tags ,,,,,, ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *